fbpx

Ciências Contábeis

400 horas/aula | SEGUNDAS E TERÇAS | 19h às 22h40

Apresentação

O Programa de Mestrado em Ciências Contábeis do Centro Universitário foi recomendado com conceito 4 pela Avaliação Quadrienal (2013-2016) da CAPES e reconhecido pela Portaria do MEC n.º 656 de 22-05-2017, DOU de 27-07-2017.

O título de Mestre conferido ao final do curso possibilita a atuação como docente de nível superior em cursos de Graduação e Pós-Graduação, e prepara aqueles que desejam prosseguir em sua formação acadêmica para o ingresso nos cursos de Doutorado.

Sobre

Missão

O Programa de Mestrado em Ciências Contábeis do Centro Universitário Álvares Penteado, mantido pela Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado – FECAP, será regido pelo Regimento Geral do Centro Universitário Álvares Penteado e tem por missão: Promover a proficiência científica e a melhoria contínua da pesquisa, do ensino e da prática profissional em Ciências Contábeis, visando à qualificação de recursos humanos para o desenvolvimento do conhecimento em diferentes áreas de negócios.

 

 

Objetivos Fundamentais

I. Promover as condições para a proficiência científica e a melhoria contínua da pesquisa, do ensino e no campo da prática profissional, visando a preparação dos recursos humanos para a preservação e expansão do patrimônio educacional, tecnológico, científico e cultural do País;
II. Estimular o desenvolvimento de projetos de pesquisa em Ciências Contábeis, patrocinando um trabalho crítico e criativo;
III. Divulgar a produção científica do corpo docente e do corpo discente, em conformidade com as prioridades das linhas de pesquisa estabelecidas pelo Mestrado;

Esteja entre os Melhores

Inscreva-se

Informações sobre o processo seletivo

O Curso tem duração de 2 (dois) anos, aí incluídas a preparação e defesa da Dissertação de Mestrado. Em casos devidamente aprovados pela Coordenação do Curso, é possível a prorrogação do prazo total por até 6 (seis) meses, totalizando uma duração máxima de 2,5 anos (dois anos e meio), aí incluída a defesa da Dissertação de Mestrado;

O presente Processo Seletivo tem validade exclusiva para o semestre letivo em que o candidato prestou;

A critério exclusivo do Centro Universitário, a turma somente será instalada mediante o preenchimento da totalidade das vagas oferecidas, por candidatos que sejam considerados acadêmica e profissionalmente aptos à obtenção do nível de proficiência exigido dos formandos do Curso.

Poderão inscrever-se para o Processo Seletivo os portadores de diploma de nível superior (3o Grau), obtido no País ou no Exterior, devidamente reconhecido e registrado.

Para efetuar a inscrição, o candidato deverá enviar, por meio eletrônico, ficha de inscrição devidamente preenchida e Curriculum Vitae.

O Processo Seletivo terá 02 (duas) etapas cumulativas, a saber:

1ª etapa: Realização de prova de Proficiência em Língua Inglesa aplicada pelo Centro Universitário Álvares Penteado;

2ª etapa: Entrevista com os candidatos inscritos e que realizaram a 1ª etapa por meio de Videoconferência.

Os candidatos selecionados para a entrevista serão informados da convocação por telefone e via e-mail.

Para fins de pesquisas e desenvolvimento de trabalhos científicos, é requerido o domínio da língua inglesa (leitura e interpretação de texto) no nível instrumental.

Candidatos aprovados no processo seletivo que não tenham sido considerados proficientes em Inglês, poderão, a critério exclusivo do Centro Universitário, ser admitidos na qualidade de Aluno Não Proficiente, podendo realizar novos exames de proficiência em Inglês em até duas oportunidades ao longo do curso, em datas determinadas pela Coordenação do Mestrado.

O aluno que, em qualquer dos casos, exaurir as oportunidades para comprovação da proficiência em Inglês sem lograr êxito será excluído do Programa de Mestrado da Instituição.

A seleção final dar-se-á, após análise das notas de provas e resultado da entrevista, com os candidatos classificados como “apto para matrícula” ou “não apto”.

A divulgação dos aprovados e, consequentemente, selecionados para o Programa de Mestrado Profissional em Administração do Centro Universitário será realizada por e-mail e WhatsApp dos candidatos.

Art. 7º Os candidatos aprovados no Processo Seletivo poderão realizar a matrícula também ser de forma remota.

Para efetivação da matrícula deverão ser apresentadas cópias simples, acompanhadas dos originais, dos seguintes documentos:

  1. RG e do CPF/MF;
  2. Diploma do curso de graduação (frente e verso);
  3. Histórico escolar do curso superior (3o grau), e
  4. Comprovante de residência.

Importante: Na ausência dos documentos originais, só serão aceitas cópias autenticadas.

Ex-alunos das unidades de ensino mantidas pela FECAP, para terem direito à vaga e à matrícula, deverão apresentar documento de quitação de obrigações financeiras anteriores, expedido pela Tesouraria do Centro Universitário Álvares Penteado;

Perderá o direito à vaga o candidato que deixar de requerer a matrícula dentro dos prazos estabelecidos, assim como aquele que não apresentar, no referido ato, a comprovação hábil de conclusão de curso de nível superior (3o grau);

A efetivação da matrícula dar-se-á somente mediante a instalação da nova turma do Curso;

Não havendo a instalação de nova turma do Curso qualquer quantia adiantada para estes fins pelos respectivos candidatos será integralmente reembolsada, na forma da lei;

O aluno que desejar cancelar a matrícula deve abrir um requerimento junto à Central do Aluno. O reembolso será de 80% (oitenta por cento) do valor da matrícula efetuada.

Financiamento

Financiamento Mestrado FECAP

A FECAP oferece a você a oportunidade de financiar o Mestrado. Trata-se de um financiamento com recursos da própria Fundação, destinado aos alunos regularmente matriculados que precisam de um suporte financeiro para continuar ou iniciar os estudos.

Com o FIFE, você poderá financiar 40% do curso. Para garantir a sua tranquilidade, o pagamento do valor financiado inicia somente após a conclusão do curso em tempo regular

REGULAMENTO FORMULÁRIO

NOTÍCIAS E IMPACTOS

PRODUÇÃO INTELECTUAL

SENSITIVE INDUSTRIES PRODUCE BETTER ESG PERFORMANCE: EVIDENCE FROM EMERGING MARKETS

Autores: Alexandre Sanches Garcia, Wesley Mendes da Silva e Renato Joao Orssatto.

Abstract

Given the rising interest in corporate social responsibility (CSR) globally, this paper investigates whether the financial profile of a firm is associated with superior environmental, social and governance (ESG) performance, considering firms from Brazil, Russia, India, China and South Africa (the so-called BRICS countries) with the aim of addressing a gap in relevant research. The study entails an analysis of ESG performance in sensitive industries (i.e., those subject to systematic social taboos, moral debates, and political pressures and those that are more likely to cause social and environmental damage). To test our hypotheses, we applied linear regressions with a data panel using the Thomson Reuters Eikon™ database to analyze data from 365 listed companies selected from BRICS between 2010 and 2012. The results suggest that companies in sensitive industries present superior environmental performance, even when controlling for the firm’s size and country. Our study contributes to research on both the impact of ESG disclosure and the relationship between financial and ESG performance, as well to the practice of sustainability management in firms in developing countries.
Leia mais


INTEGRATED REPORTING AND CAPITAL MARKETS IN AN INTERNATIONAL SETTING: THE ROLE OF FINANCIAL ANALYSTS

Autores: Eduardo Flores, Marco Fasan, Wesley Mendes-da-Silva, Joelson Oliveira Sampaio.

Abstract

This study investigates the interplay between integrated reporting (IR) and capital markets. In particular, building on voluntary disclosure and information processing theories, we hypothesize and empirically find that IR adoption improves analysts’ ability to make accurate earnings forecasts. Whereas previous studies focus on the South African context, we rely on an international sample that also allows us to study the moderating effect of the corporate governance regime (shareholder or stakeholder oriented). The results suggest that IR improves analysts’ ability to make accurate predictions to a larger extent in North America than in Europe, and we derive interesting insights on the much-debated nature of IR. This study offers valuable insights to policy makers interested in improving disclosure practices in the financial market.
Leia mais


TESTING THE INSTITUTIONAL DIFFERENCE HYPOTHESIS: A STUDY ABOUT ENVIRONMENTAL, SOCIAL, GOVERNANCE, AND FINANCIAL PERFORMANCE

Autores: Alexandre Sanches Garcia e Renato J. Orsato.

Abstract

Considering the institutional, cultural, and regulatory differences across countries, this research investigates the association between environmental, social, and governance (ESG) performance and financial performance of companies from emerging and developed countries. The institutional difference hypothesis (IDH) suggests that institutional weaknesses in emerging markets affect the relationship between financial performance and corporate social performance (CSP) of companies. This can occur because, under such circumstances, firms are more likely to prioritize the capital accumulation and not recognize the potential strategic benefit of socially responsible investments. To investigate this hypothesis, we performed a regression analysis of panel data study comprising 2,165 companies from developed and emerging countries, covering the period between 2007 and 2014. Our results suggest that there is a prevalence of the institutional environment in relation to the financial and ESG performances of companies. These results are in line with the logic of the IDH.
Leia mais


PATHWAYS TO URBAN SUSTAINABILITY: AN INVESTIGATION OF THE ECONOMIC POTENTIAL OF UNTREATED HOUSEHOLD SOLID WASTE (HSW) IN THE CITY OF SÃO PAULO

Autores: Vilma Geni Slomski, Ivan Carlos Silva Lima, Valmor Slomski e Tiago Slavov.

Abstract

The depletion of natural resources, the useful life of landfill sites, and the amount of garbage accumulating all challenge public policy to manage urban solid waste. We identified the economic potential for unused solid waste (HSW) in São Paulo in 2018 to be USD 637,633,836.04 through descriptive quantitative research and documentary analysis in the collected data. This amount comes from five sources, with the majority coming from internalizing private cost credits (45.58%), followed by recycling (42.21%), carbon credits (5.46%), refuse-derived fuel (3.77%), and organic compounds (2.98%). This potential assumes the implantation of waste sorting plants that generate jobs, reduce public expenses, and provide environmental benefits such as forest protection, water, and minerals. The environmentally adequate final destination of HSW constitutes an economic and socio-environmental measure that enables the reverse logistics of the business sector and urban sustainability. Consequently, the economic potential of HSW, generated from its sorting and marketing, could provide a positive contribution with the mitigation of environmental impacts, in addition to income generation and social inclusion.
Leia mais


ENTERPRISE RISK MANAGEMENT AND FIRM VALUE: EVIDENCE FROM BRAZIL

Autores: Juliano Rodrigues Silva, Aldy Fernandes da Silva e Betty Lilian Chan.

Abstract

International studies have shown that the evolution of traditional risk management (TRM) toward a holistic perspective and the simple adoption of enterprise risk management (ERM) have increased firm value from a strategic perspective. This study empirically investigates the association between ERM and firm value (measured by Tobin’s q ratio) in 649 firm-year observations that were listed in the IBrX100 index on the Brazilian stock exchange (BM&FBovespa) during 2004–2013. After the introduction of controls with exogenous effects, the results indicate a positive association between firm value and the use of an ERM approach, which aligns with most international studies.
Leia mais


INDUSTRIES FROM THE INDUSTRIAL HUB IN CUBATÃO: ANALYSIS OF THE METHODS THE ENVIRONMENTAL MANAGERS APPLY WITH REGARD TO INTERNAL CONTROL AND ENVIRONMENTAL RISK MANAGEMENT PRACTICES

Autores: Ivam Ricardo Peleias, Roberto Luiz Garcia, Elionor Farah Jreige Weffort e Francisco Carlos Fernandes.

Abstract

The discussions about the frantic growth have motived governmental actions to create laws and regulations aimed at curtailing the neglect of nature. That is the context for the city of Cubatão – State of São Paulo – Brazil, which used to be a landmark of economic growth, but led the region to environmental degradation. The industries located there were under external pressure to adapt, leading to an environmental management process that involves internal controls and risk management. Over the years, this process helped Cubatão receive, in 1992, from the United Nations (UN), the title of symbol of ecology and environmental recovery. Environmental risk management and internal control operation mechanisms and strategies were analyzed in four plants installed in the region before the 1990s, and which helped in the city’s recovery process. The environmental managers from those companies were interviewed. Content analysis, based on constructs obtained in the theory, was used to analyze the data collected in the interviews, to assess the internal control and environmental risk management practices. We found that the strategies to implement internal control and risk management programs were specific; however, the companies used similar processes to detect, mitigate and measure risks, in light of their particularities. An analysis model of these practices was developed, which can be replicated or improved in further research.
Leia mais


A INFLUÊNCIA DO TÍTULO DE MESTRE NOS EGRESSOS DO MESTRADO EM CIÊNCIAS CONTÁBEIS DA FECAP: ANÁLISE À LUZ DA TEORIA DO CAPITAL HUMANO

Autores: Amanda Russo Chirotto, Ivam Ricardo Peleias, Claudio Parisi e Jacqueline Veneroso Alves da Cunha.

Resumo

A Teoria do Capital Humano (TCH) estabelece que, ao adquirir mais conhecimentos e habilidades, um indivíduo aumentaria o valor de seu capital humano, e em consequência, de sua empregabilidade, produtividade e rendimento potencial. Diante desse pressuposto, buscou-se analisar a influência do título de mestre nos egressos do mestrado em Ciências Contábeis da FECAP sob a ótica da TCH. Foi realizada uma pesquisa descritiva, quantitativa, com aplicação de um questionário para 180 egressos mestres. Os resultados apontaram que os mestres são majoritariamente homens, com idade média de 47 anos, casados, com filhos, residentes na cidade de São Paulo e com formação em Ciências Contábeis, tendo como principais atividades remuneradas o mercado e a academia, a maioria atuando no setor privado e com remuneração acima de R$ 9.000,00, os resultados apontam melhora na faixa salarial após a conclusão do curso. Os principais fatores percebidos como mais influenciados pelo título foram: espírito acadêmico, diferenciação profissional, competências analíticas, empregabilidade, oportunidades na carreira, respeitabilidade e reconhecimento acadêmico/profissional. Para os egressos, o título influenciou positivamente, considerando os fatores preconizados pela TCH.
Leia mais


INFORMAÇÕES CONTÁBEIS TEMPESTIVAS: UMA ANÁLISE DOS MECANISMOS ISOMÓRFICOS DO PROCESSO DE FECHAMENTO CONTÁBIL

Autores: Gisele Fernanda Salvador, Claudio Parisi, Ivam Ricardo Peleias e Reinaldo Guerreiro.

Resumo

Organizações preocupadas com sua continuidade e crescimento despendem considerável esforço para obter eficácia e conferir eficiência aos sistemas de controle gerencial. Esta pesquisa teve como objetivo conhecer a influência dos mecanismos isomórficos no processo de fechamento contábil tempestivo. É um estudo de caso acerca dos processos de uma organização multinacional representativa no segmento em que atua. Foram realizadas entrevistas, aplicados questionários e analisados filmes institucionais, para identificar e avaliar a ação das contribuições por meio de exames dos três mecanismos do isomorfismo em relação ao fechamento contábil tempestivo. Constatou-se que não há relação entre os três mecanismos do isomorfismo. Foi identificada uma influência relativa do isomorfismo mimético, por conta do Sistema Toyota de Produção, uma forte influência do mecanismo coercitivo por influência da matriz em relação à tempestividade do fechamento contábil, não tendo sido identificada evidência relativa à influência do isomorfismo normativo.
Leia mais


A PERCEPÇÃO DOS JUÍZES PAULISTANOS ACERCA DA ATUAÇÃO DO PERITO CONTADOR ASSISTENTE À LUZ DO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL

Autores: Giancarlo Zannon, Ivam Ricardo Peleias, Elionor Farah Jreige Weffort e Mônica Bonetti Couto.

Resumo

Uma consequência da maior inadimplência é o aumento das ações judiciais revisionais e de execução, situação que pode requerer a perícia contábil para subsidiar o processo decisório dos juízes. No poder judiciário, a prova pericial contábil pode ser produzida pelo perito nomeado pelo juiz ou pelos peritos assistentes contratados pelas partes. Esta pesquisa buscou analisar a percepção de juízes sobre a atuação do perito contador assistente, também conhecido por assistente técnico, em especial quanto ao parecer pericial contábil como meio para o convencimento motivado e auxílio no julgamento. É uma pesquisa qualitativa e descritiva, na qual foram entrevistados treze juízes da esfera Cível de 1ª instância na cidade de São Paulo. As falas obtidas foram avaliadas com a aplicação das técnicas de Análise de Conteúdo e Dialético-Hermenêutica. Foram identificadas três categorias nos discursos dos entrevistados, que favorecem, desfavorecem ou contribuem para a atuação do perito contador assistente. Os entrevistados entendem que a atuação do perito contador assistente é relevante para o convencimento motivado e julgamento da causa e que o parecer pericial contábil pode ser usado para fundamentar o processo decisório do juiz, bem como, sua ausência pode prejudicar o julgamento e comprometer o capital jurídico. Para os entrevistados é relevante a atuação dos peritos contadores assistentes, mas existe a necessidade de aprimorarem o seu conhecimento jurídico, linguístico, experiência processual, além de uma postura mais técnica e imparcial, para que seu trabalho seja melhor compreendido e mais bem aproveitado.
Leia mais


ADOÇÃO OBRIGATÓRIA DE IFRS, GOVERNANÇA CORPORATIVA E VALOR DA FIRMA

Autores: Joelson Oliveira Sampaio, Humberto Galuucci, Vinicius Augusto Brunassi Silva e Rafael Felipe Schiozer.

Resumo

Estudamos se o nível de divulgação contábil e financeiro afeta o valor da firma, focando a adoção do padrão IFRS no Brasil em 2010. Comparamos firmas com pior qualidade contábil ex-ante (no nível regular e nível 1 de governança corporativa) com firmas similares que já adotavam o IFRS antes de se tornar mandatório (Nível 2 e Novo Mercado). Encontramos que a adoção do IFRS tem um impacto positivo de aproximadamente 30 pontos percentuais no Q de Tobin e 26 pontos percentuais na razão entre valor de mercado e valor patrimonial para firmas nos níveis mais baixos de governança, e reduz substancialmente a diferença de valuation entre firmas nos níveis altos e baixos de governança corporativa. Essa redução na diferença de valuation é parcialmente explicada pelo aumento relativo na participação de estrangeiros no capital acionário e na liquidez das ações das firmas nos níveis mais baixos de governança corporativa.
Leia mais

Instituto de Finanças - FECAP

Centro de Pesquisa ESG - FECAP

Centro de Pesquisa em Mercado de Capitais e Relações com Investidores - FECAP

Centro de Empreendedorismo - FECAP

COORDENAÇÃO DO CURSO

Alexandre Sanches Garcia

Doutor | agarcia@fecap.br

Doutor em Administração de Empresas pela Fundação Getúlio Vargas-SP (2017), mestre em Ciências Contábeis e Atuariais pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1998), com graduação em Ciências Contábeis pela Universidade Presbiteriana Mackenzie (1992). Tem experiência na área de Administração e Contabilidade, nos seguintes temas: contabilidade gerencial, controle interno, controladoria, auditoria, análise financeira e análise de custos, em empresas de grande porte como PriceWaterhouseCoopers, General Motors e Philip Morris. Sócio de empresa de consultoria, Diretor da Pós-Graduação e Professor dos Programas de Mestrado em Ciências Contábeis e de Administração da FECAP-Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado, professor na Universidade Presbiteriana Mackenzie e Conselheiro efetivo do Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo (gestão 2016-2020). Título de Acadêmico recebido pela APC-Academia Paulista de Contabilidade.

MATRIZ CURRICULAR

INFORMAÇÕES DISCENTES

Gráfico de Egressos

Corpo Docente

Alexandre Sanches Garcia

Doutor
Lattes
Orcid

Ahmed Sameer El Khatib

Doutor
Lattes
Orcid

Aldy Fernandes da Silva

Doutor
Lattes
Orcid

Elionor Farah Jreige Weffort

Doutora
Lattes
Orcid

Ivam Ricardo Peleias

Doutor
Lattes

Matheus Albergaria de Magalhães

Doutor
Lattes

Tiago Nascimento Borges Slavov

Doutor
Lattes
Orcid

Verônica de Fátima Santana

Doutora
Lattes
Orcid

Vilma Geni Slomski

Doutora
Lattes
Orcid

Vinícius Augusto Brunassi Silva

Doutor
Lattes
Orcid

Quer saber mais sobre a MESTRADO na FECAP?