fbpx

Auditoria Governamental

| Online

Carga Horária: 30 horas/aula

Data: 28 de setembro à 30 de outubro

Valores: Alunos, ex-alunos FECAP R$ 344,50 Externos: R$ 689,00

Período de Inscrição: até 02 outubro - 10% de desconto para matrícula realizada até 02 outubro

Prof. Émerson Nogueira Sales

Sobre o curso

PÚBLICO-ALVO:

Profissionais interessados em adquirir capacitação diferenciada e de alto nível em auditoria governamental e em processos de relacionamento entre o setor público e o privado.

Os profissionais que já atuam em auditoria pública, independentemente da área ou órgão, poderão atualizar e aprimorar seu conhecimento prático preexistente, avançando de forma consistente e alinhada com as melhores práticas, normas e legislação aplicável. Para os ingressantes e interessados na área de auditoria do setor público, o curso permitirá uma introdução ajustada às suas necessidades e com a sequência dos módulos o discente atingirá o alto nível de entendimento dos conteúdos da disciplina, capacitando-o a ingressar na auditoria, se relacionar com os processos que envolvem os setores públicos e privados, alavancando seu currículo e sua carreira.

Os profissionais que de alguma forma tem contato com a auditoria, seja como auditores ou auditados, poderão desenvolver o conhecimento e a capacitação necessária ao seu dia-a-dia, permitindo a aplicação prática dos procedimentos de auditoria governamental. Independentemente do nível hierárquico ou dos papéis exercidos pelo discente no seu ambiente de trabalho, ao final do curso ele terá capacitação para atuar nas auditorias mais complexas e nos diversos níveis hierárquicos do ambiente de auditoria.

OBJETIVO(S) DE APRENDIZAGEM:

O conteúdo desenvolvido apresenta a discussão prática e da vivência dos auditores públicos, com conceitos fundamentais e procedimentos práticos, todo o arcabouço normativo e legal, atividades e exercícios que apresentam a realidade da auditoria, objetivando a capacitação do discente para a atuação nos diversos tipos e processos de auditoria pública, da mesma forma que será capacitado para planejar, executar e controlar os processos de auditoria exercendo diversos papéis no conjunto de profissionais auditores.

Tal capacitação se dá desde a fundamentação inicial com o alicerce teórico e as atividades relacionadas a auditoria interna no governo, levando em consideração as boas práticas do setor público, as normas e a legislação aplicável.

Durante o curso, por meio dos e-books, dos exemplos de casos reais e dos exercícios propostos, o discente deve adquirir e ampliar seus conhecimentos acerca do tema e isto possibilita a capacitação para que atue de forma independente e com alto grau de efetividade e eficiência, objetividade e capacidade conclusiva no cumprimento do seu papel como auditor, ou de um funcionário que atue ou que queira migrar para as áreas correlatas, tais como governança corporativa, gestão de riscos, controles internos e compliance, entre outras diversas áreas que compõem o emaranhado da gestão pública, tão carente de bons profissionais de auditoria.

CONDIÇÃO ESPECIAL

10% de desconto para matrícula realizada até 02 outubro

Conteúdo

• O Estado, origens, formas e sistemas de Governo
• Funções estatais no Brasil e forma de Estado
• Administração Pública e o controle da gestão pública
• Auditoria governamental, aspectos gerais, fundamentos
• As partes existentes no processo de auditoria governamental
• Níveis de asseguração e classificação das auditorias públicas
• Tipos de trabalhos
• Tribunal de Contas e os processos de auditoria
• Planejamento, execução, relatórios e opinião
• Papéis de trabalho e responsabilidades
• Controle Interno e seus princípios
• O Controle Interno segundo o COSO e o sistema ou estrutura do CI
• As três linhas de defesa
• O time de atuação dos controles internos e suas macrofunções
• Ouvidoria, Controladoria e Correição
• Auditoria Governamental sob o enfoque de Controles Internos
• O Controle Externo e as três funções coexistentes nos Tribunais de Contas
• Funções de Auditoria, Judicante e Ministério público
• As atividades exercidas pelos Tribunais de Contas
• Função de Ministério Público, de Contencioso ou Jurisdicional, Sancionadora ou Corretiva e Fiscalizadora

AMERICAN INSTITUTE OF CERTIFIED PUBLIC ACCOUNTANTS. Consideration of the Internal Control Structure in a Financial Statement Audit. Disponível em: https://www.aicpa.org/. Acesso em 07 de setembro de 2019.

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. Disponível em: < http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Constituicao/Constituicao.htm>. Acesso em: 11 de setembro de 2019.

BRASIL. Lei nº 13.303, de 30 de junho de 2016. Dispõe sobre o estatuto jurídico da empresa pública, da sociedade de economia mista e de suas subsidiárias, no âmbito da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2015-2018/2016/lei/ l13303.htm. Acesso em 08 de setembro de 2019.

CARVALHO JR., Jorge Pinto de; BALDRESCA, Camila Alexandra Majer. Auditoria no setor público com ênfase no controle externo: teoria e prática. Brasília: Gestão Pública, 2019.

CASTRO, Rodrigo Pironti Aguirre de. Sistema de controle interno: uma perspectiva do modelo de gestão pública gerencial. Belo Horizonte: Fórum, 2007.

CASTRO, Rodrigo Pironti Aguirre de. Ensaio avançado de controle interno: profissionalização e responsividade. Belo Horizonte: Fórum, 2016.

CONTROLADORIA GERAL DA UNIÃO. Instrução Normativa Conjunta MP/CGU nº 01, de 2016. Dispõe sobre controles internos, gestão de riscos e governança no âmbito do Poder Executivo Federal. Disponível em: https://www.cgu.gov.br/sobre/legislacao/arquivos/instrucoes-normativas/in_cgu_mpog_01_2016.pdf. Acesso em 09 de setembro de 2019.

_____. Instrução Normativa nº 03, de 09 de junho de 2017. Aprova o Referencial Técnico da Atividade de Auditoria Interna Governamental do Poder Executivo Federal. Disponível em: https://www.cgu.gov.br/sobre/legislacao/arquivos/instrucoes-normativas/in_cgu_03_2017.pdf. Acesso em 09 de setembro de 2019.

_____. Manual de Orientações Técnicas da Atividade de Auditoria Interna Governamental do Poder Executivo Federal. Disponível em: http://www.cgu.gov.br/Publicacoes/auditoria-e-fiscalizacao/arquivos/manual-de-orientacoes-tecnicas-1.pdf. Acesso em 10 de setembro de 2019.

GLOCK, José Osvaldo. Guia para a implementação do sistema de controle interno nos municípios. 2ª ed., Curitiba: Juruá, 2011.

GUERRA, Evandro Martins. Os controles externo e interno da Administração Pública. 2. ed. ver. e ampl. Belo Horizonte: Fórum, 2007.

INTERNATIONAL ORGANIZATION OF SUPREME AUDIT INSTITUTIONS. ISSAI 1705 – Modifications to the Opinion in the Independent Auditor’s Report. Disponível em: https://www.ifac.org/system/files/publications/files/Proposed%20ISA%20705%20(Revised)-final.pdf. Acesso em 11 de outubro de 2019.

INSTITUTE OF INTERNAL AUDITORS. The Three Lines of Defense in Effective Risk Management and Control. Disponível em Acesso em 08 de setembro de 2019.

INSTITUTO RUI BARBOSA. Normas brasileiras de auditoria do setor público NBASP: nível 1 – princípios basilares e pré-requisitos para o funcionamento dos tribunais de contas brasileiros. Belo Horizonte, 2015.

_____. Normas brasileiras de auditoria do setor público NBASP: nível 2 – princípios fundamentais de auditoria do setor público. Belo Horizonte, 2017.

LIMA, Luiz Henrique. Controle externo: teoria e jurisprudência para os Tribunais de Contas. 8. ed. Forense: Método, 2019.
PAULO, Vicente; ALEXANDRINO, Marcelo. Resumo de direito constitucional descomplicado. 2. ed. rev. e atual. São Paulo: Método, 2009.

SECRETARIA DO TESOURO NACIONAL. Balanço do Setor Público Nacional 2019 – Ano Base 2018. Disponível em: http://www.tesouro.fazenda.gov.br/balanco-do-setor-publico-nacional-bspn-. Acesso em 08 de setembro de 2019.

TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO. Portaria Segecex nº 27/2016. Aprova o Manual de Acompanhamento. Disponível em: https://portal.tcu.gov.br/controle-externo/normas-e-orientacoes/normas-de-fiscalizacao/acompanhamento.htm. Acesso em 12 de setembro de 2019.

TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO. Seleção de objetos e ações de controle. Disponível em: https:// portal.tcu.gov.br/fiscalizacao-e-controle/auditoria/selecao-de-objetos-e-acoes-de-controle/. Acesso em 24 de outubro de 2019.VIANA, Ismar. Fundamentos do processo de controle externo: uma interpretação sistematizada do texto constitucional aplicada à processualização das competências dos tribunais de contas. Rio de Janeiro: Lumen Juris, 2019.

UNITED STATES GOVERNMENT ACCOUNTABILITY OFFICE. Standards for Internal Control in the Federal Government. The Green Book. Disponível em: https://www.gao.gov/products/gao-14-704G. Acesso em 07 de setembro de 2019.

Sobre o professor

Mestre em Ciências Contábeis (FECAP/SP). Coordenador da pós graduação em Auditoria e em Perícia. Professor e pesquisador nos programas de pós graduação lato sensu da FECAP(SP). Professor na pós graduação da UNISAL/Campinas(SP). Professor no programas de Graduação da FECAP(SP). Instrutor/Palestrante do CRC/SP em Perícia Contábil. Instrutor/Palestrante em programas de treinamentos in company. Perito contador judicial e extrajudicial com atuação nas áreas contábil, financeira e administração judicial. Experiência gerencial corporativa em Administração e Finanças na multinacional Xerox do Brasil (19 anos), com ênfase nas áreas Contábil, Administrativa e Financeira, Controladoria, Legal Collection, Controles Internos e Auditoria Interna. Experiência em gestão de projetos (lean six sigma).

Émerson Nogueira Sales

Compartilhe :

Receba tudo que rola no universo FECAP?

Ou