Potencial do conteúdo de áudio foi destaque no FECAP Cases - FECAP

Potencial do conteúdo de áudio foi destaque no FECAP Cases

Especialistas do segmento de áudio brasileiro discutiram sobre as características do consumo e...
Eventos | 27/10/2022
Compartilhe:

Especialistas do segmento de áudio brasileiro discutiram sobre as características do consumo e produção de conteúdos sonoros no Brasil  

Entretenimento sonoro brasileiro e as novas práticas de produção e consumo de áudio no Brasil foram os temas centrais do primeiro dia do FECAP Cases Brasilidades, evento que está acontecendo até 28 de outubro no palco do Teatro FECAP. Durante esses dias, o FECAP Cases 2022 apresenta sua 11ª edição com o tema “Brasilidades”, recebendo grandes marcas, agências e profissionais para compartilhar suas experiências e cases de sucesso. 

No primeiro painel, mediado por Júlia Lúcia de Oliveira, Doutora em Comunicação e Semiótica e Especialista em Conteúdos Sonoros, o evento evidenciou o quanto conteúdos de áudio tem sido ainda mais estratégicos para a comunicação das marcas, principalmente com a ascensão da produção e consumo de podcasts. 

Ainda assim, o painel também mostrou que mesmo com esse crescimento no consumo, o rádio é um meio de comunicação acessível à população, por isso, se reinventa, mas não deixa de ter um importante papel no cotidiano dos indivíduos brasileiros. “O streaming é uma pequena bolha do consumo de áudio, o Brasil ouve rádio”, pontuou Guilherme Alf. 

Além de Alf, Relações Públicas, criador de conteúdo, fundador e professor da Escola de RP, estiveram no palco, Fábio França, Apresentador e Coordenador de Esporte na BandNews FM; Carolina Ercolin, Âncora da Rádio Eldorado e Katiana Normandia, Idealizadora e Host do Podcast Vozes Femininas. 

No segundo período, Renan Augusto Silva, Relações Públicas e Co-fundador da U.F.O – empresa responsável pela carreira e desenvolvimento artístico do cantor Jão; e Felipe Vassão, Produtor Musical e Compositor do single Pantera Negra para o filme de mesmo nome, estiveram reunidos para discutir sobre música, o entretenimento que envolve multidões, juntamente com Gustavo Damascena e Gustavo Millions, Coordenador Comercial Artístico e Head Artístico, respectivamente, da Opus Entretenimento, empresa que administra a carreira de artistas como Alexandre Pires, Seu Jorge, Daniel, Ana Carolina e outros.  

O painel contou com a mediação de Gabriel Alexandre, Produtor Multimídia e Diretor Executivo da SOUL ART, e os convidados destacaram quais as características que fazem um artista brasileiro se destacar no mercado musical. Entre os desafios e diferenciais apresentados, os convidados destacaram a importância de alinhar as estratégias de comunicação com os objetivos da carreira do artista, sejam eles obter mais visualizações, mas vendas ou mais repercussão. Felipe Vassão também destacou que as músicas representam a imagem do artista e a originalidade deve ser um fator de destaque, “sempre falo: ‘você não está fazendo disco, você está fazendo o jingle da sua marca, você’”.  

O primeiro dia do evento reuniu aproximadamente 400 participantes presencialmente para prestigiarem os ilustres convidados e aprender com os ensinamentos deixados. O FECAP Cases Brasilidades ainda terá mais quatro dias de programação e as inscrições são gratuitas e continuam abertas para todo o público com palestras únicas para o público adentrar no universo do “jeitinho brasileiro de fazer e se comunicar”. 

Notícias Relacionadas

SIGA A FECAP NAS REDES SOCIAIS

Quer saber mais sobre a FECAP?

© Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado - FECAP - Todos os direitos reservados