A China no Século XXI: Cultura, Negócios e Gestão

Público Alvo

a empresários e profissionais de todos os segmentos, interessados na gestão de negócios e no comércio internacional com a China

Informações Gerais

today Data
4 e 5/12/2018
schedule Horário
8h30 às 17h30
timer Carga Horária
16h
monetization_on Investimento
R$ 1.500,00 (por pessoa)
room Local
Pinheiros

Sobre o Curso

INTRODUÇÃO:

A China ocupa desde 2010 a posição de maior parceiro comercial do Brasil. Um universo de milhares de empresas brasileiras negocia diretamente com empresas chinesas. Da mesma forma, há um aumento vertiginoso do aporte de capital chinês sendo investido no Brasil, sendo cada vez maior o número de empresas chinesas que se instalam em nosso país. Entretanto, mesmo diante deste cenário que aponta a importância do papel estratégico da China, nos deparamos com um incipiente quadro de trocas culturais, fazendo com que os diferentes modos de pensar e fazer negócios dos chineses sejam ainda pouco estudados e compreendidos.

Desta forma, as empresas brasileiras, seus executivos e respectivas equipes, se ressentem do pouco conhecimento sobre este país, bem como, na maioria das vezes, do despreparo para negociar com os chineses e traçar uma estratégia adequada em relação a seus objetivos. Trata-se, assim, de ganhar maiores vantagens competitivas no mercado nacional e internacional. Não é fácil imaginar uma estratégia de negócios que não inclua a China em alguma etapa de seu desenvolvimento, pois, na atualidade, uma parcela crescente do que é produzido e negociado no mundo contém direta ou indiretamente a participação chinesa.

Além disso, a presença de empresas chinesas em todo território brasileiro, abre inúmeras possibilidades de trabalho e carreira a profissionais e estudantes. O conhecimento sobre a cultura, a forma de fazer negócios, os modelos de gestão e seus desdobramentos no dia a dia do trabalho nessas empresas é uma significativa vantagem para se alcançar essas novas oportunidades e desenvolver plenamente a carreira.

OBJETIVOS:

O objetivo do curso é preparar empresários, estudantes e profissionais em geral que atuam com negócios internacionais, em especial com a China. Apresentar conceitos sobre a cultura de negócios chinesa e ferramentas de gestão intercultural, através do estudo, da reflexão e de vivências. Permitir compreender o lugar que a China ocupa no cenário mundial e na agenda das relações comerciais, culturais e institucionais do Brasil.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

 

  • Relações entre a História e a Cultura chinesas, destacando a entrada da China na era moderna (últimos 500 anos) e dentro deste período, os vários estágios de seu contato com o mundo ocidental e o Brasil em particular (final do século XVIII até a China contemporânea).
  • Panorama da formação e desenvolvimento dos conceitos que estão na base do pensamento chinês, estabelecendo as relações deste pensamento com os processos de troca comercial e as relações de trabalho.
  • Relações entre a cultura geral e a cultura de negócios na China e no Brasil, de tal forma a observar as diferentes abordagens e, a partir daí, construir novas estratégias de negociação e relacionamento para as empresas e para os profissionais brasileiros.
  • Análise das políticas traçadas pelo governo chinês para o médio e longo prazo e as possíveis consequências para o Ocidente e, em particular,para o Brasil.
  • Análise, sob o prisma das diferenças culturais, sobre experiência e vivência de empresas brasileiras que fazem negócios com a China e das empresas chinesas instaladas no Brasil.

 

METODOLOGIA – ESTRATÉGIA DE ENSINO:

O curso prevê o desenvolvimento dos conteúdos por meio de aulas expositivas e dialogadas com utilização de recursos multimídia, filmes e discussões em grupo.

AVALIAÇÃO PARA CERTIFICAÇÃO: A avaliação será feita considerando a participação em sala de aula e através de um trabalho (em grupo de até 3 pessoas) a ser entregue e apresentado em classe. É necessário estar presente, no mínimo, em 70% das aulas.

CURRÍCULO RESUMIDO DOS PROFESSORES:

 

SUZANA BANDEIRA

Pós-graduada em administração de empresas, pela PUC-SP, e´ arquiteta de formação (Mackenzie); mestre em Administração de Empresas (PUC-SP). Professora nos cursos de graduação em Relações Internacionais e Administração (FECAP) e pós-graduação em Negócios Internacionais e Comércio Exterior (FECAP). Consultora, palestrante e coach executiva-empresarial, especialista em Negócios com a China (gestão intercultural e cadeia de suprimentos).

Carreira empreendida em empresas públicas (Banco do Brasil-comércio exterior) e privadas, onde estabeleceu seus primeiros contatos com o mercado chinês em 1994. Há 24 anos envolvida em negociar e estabelecer vínculos comerciais duradouros e mutuamente vantajosos para empresas brasileiras e chinesas.

A partir de 2007 é sócia diretora da Múltipla Desenvolvimento de Pessoas e Organizações, atuando na área da gestão e desenvolvimento de pessoas e treinamento intercultural.

 

RAFAEL GUANAES

Formado em Arquitetura e Urbanismo em 1978, pela Universidade Mackenzie e pós-graduado, em 1998, em História dos Museus de Arte pelo MAC – Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo. É professor da disciplina Internacionalização e Ambientes Interculturais no curso Assessoria Executiva na Pós Graduação da FECAP.É consultor de empresas e mediador cultural, especialista em criatividade, inovação e gestão da diversidade cultural. Também atua como consultor na área de Interculturalidade / Cultura de Negócios na China.Iniciou sua carreira como administrador de empresas em 1980, quando atuou na gerência das áreas administrativa, financeira, vendas e marketing de empresas privadas. Foi sócio-diretor da Livraria e Editora Palavra, entre 1981-1984, e de empresa de logística Mensagem, entre 1987 e 1992.Nos últimos 25 anos atua em treinamento e gestão de pessoas, desenvolvendo programas que estimulam a criatividade e relacionam a cultura com a cultura corporativa e modelos de gestão. A partir de 2007 é sócio diretor da Múltipla Desenvolvimento de Pessoas e Organizações, atuando na área da gestão e desenvolvimento de pessoas e treinamento intercultural.